Home / Saúde e Comportamento / É aquela época do ano…

É aquela época do ano…


Quantas reflexões a fazer, quantas metas a serem traçadas, quantas pessoas para presentear, lugares para visitar em um mês; muitas vezes tudo isso é deixado para se fazer em apenas uma semana.

Mas vamos realizar agora o que deveríamos fazer sempre. Refletir.

O que você faz no seu dia-a-dia para traçar metas e realizá-las?

E a pessoa que ama? Você sempre espera por uma data especial para presenteá-la? Espera sempre por dias de inspiração, para deixá-la com palavras bonitas?

Você espera por esses dias para visitar lugares que lhe dá prazer?

Vivemos assoberbados pelo trabalho, buscando independência por toda a nossa existência e em sermos pessoas financeiramente seguras e capacitadas. Procuramos dar o melhor de nós em nosso trabalho, dedicando muitas horas de nossos dias a ele. Você está certo em admitir que precisa de tudo isso para sobreviver.

Mas eu pergunto, e o resto?

Quanto do seu tempo você passa consigo mesmo? O quanto você para e reflete para se descobrir e redescobrir? Quantas horas do seu dia passa com seus filhos?  E na semana, quanto para pra pensar no jantar? Ou simplesmente esquenta aquele congelado, porque sua esposa cansou de esperá-lo?

Você se preocupa com o presente tanto quanto se preocupa com o futuro?

Calma. Não precisa deixar de planejar e lutar por coisas do futuro.

Deixa-se de aprender, de fazer ou de demonstrar muito à espera da “grande oportunidade”. Oportunidades que criamos, desperdiçamos e, outras, que aproveitamos.

A oportunidade está fincada no hoje, não temos controle do tempo, do futuro. Planejamos porque precisamos de organização; regras, base da civilização.

Livre-se daquelas regras que te limitam – do amor, do carinho, da essência. O irrealizável é agora! Não vamos esperar mais, e mais. Faça a diferença. O ciclo se fecha e mais coisas ficam inacabadas. Trace metas que estejam ao seu alcance. Não é feio ser realista, e sê-lo não requer deixar de sonhar. E além de sonhar, é preciso de força e coragem para realizar.

Ahhh, não deixarei de desejar um Feliz Natal, mas não quero desejar simplesmente assim. Quero desejar um Natal feliz a todos e que não se esqueçam e cuidem das coisas intangíveis, pois elas precisam de mais cuidados que aquelas que estão ao alcance dos nossos olhos.

Faça do ano que termina um vasto aprendizado, mas livre-se dele. Perdoe-se pelas coisas que não fez. E corra, o futuro é hoje! Um ano termina, mas a vida continua e ela está sempre nos exigindo mais.

 

Lista de Posts recentes:
[PTP]posts[/PTP]
 

Sobre Camila Assunção

Veja também:

Líder em cosméticos naturais, orgânicos e veganos estará na 11ª Beauty Fair

Entre os dias 05 e 08 de setembro a Surya Brasil estará presente na 11ª …