Home / Gibicon / Gibicon #1 expõe Jornalismo em Quadrinhos e ‘Bande Dessinée’ na Fábrika

Gibicon #1 expõe Jornalismo em Quadrinhos e ‘Bande Dessinée’ na Fábrika


Dois importantes segmentos das HQ’s acontecem nesta quarta-feira (24), na Fábrika, dentro da programação pré-Gibicon: as exposições Jornalismo em Quadrinhos – Cartoon Movement, às 18h, no Goethe-Institut; e a HQ na Terra da BD (Bande Dessinée), às 19h30, na Aliança Francesa.

Conheça o que é cada exposição:

Jornalismo em Quadrinhos – Cartoon Movement (curadoria Augusto Paim, Gonçalo Junior e Erico Assis) – Coletiva com artistas de diversos países que fazem jornalismo em quadrinhos, com estilos e formatos diferenciados, mas que mantêm um elo:  todos são jornalismo puro.

Há dois anos o portal Cartoon Movement publica reportagens em quadrinhos sobre temas de relevância internacional. Neste período foram divulgados na internet, em inglês, cerca de 40 trabalhos, sobre o Congo, Haiti, Afeganistão, Rio de Janeiro, Estados Unidos e outros países.

A exposição é parte integrante do II Encontro Internacional de Jornalismo em Quadrinhos, que tem curadoria do jornalista Augusto Paim. O primeiro EIJQ aconteceu no ano passado, em Porto Alegre.

O jornalismo em quadrinhos passou a ter destaque em 1990, quando o jornalista e desenhista maltês Joe Sacco juntou suas duas profissões numa só.

O resultado desta percepção foi Palestina, uma série de reportagens em quadrinhos sobre as disputas territoriais entre israelenses e palestinos. Seguiram-se outros livros-reportagens sobre conflitos no Oriente Médio, que deram projeção mundial à obra de Joe Sacco.

Duas décadas depois, o Jornalismo em Quadrinhos cresce e ganha seguidores em todo mundo, dando origem a uma nova safra de HQs repórteres.

O II EIJQ terá palestras e debates no Goethe-Institut, de 25 a 27 de outubro (grade completa em www.gibicon.com.br)

 

HQ na terra da BD (curadoria de Ricardo Manhães, André Diniz, Ana Koheler, José Aguiar) – Durante a última década aumentou o fluxo de artistas brasileiros com representatividade no concorrido mercado europeu de quadrinhos. A França, em particular, é reconhecida mundialmente como a capital dos quadrinhos autorais e mantém um diálogo cada vez maior com os autores brasileiros.

Nesta mostra estão reproduções de trabalhos de Ana Luiza Koehler, André Diniz, Marcello Quintanilha, Marcelo Lelis, Wander Antunese José Aguiar publicados recentemente por diversas editoras francesas.

 

Serviço
Fábrika
Rua Reinaldino S. de Quadros, 33 – Alto da XV – Curitiba/ PR
18h – Cartoon Movement / Goethe-Institut
19h30 – HQ na terra da BD / Aliança Francesa
Entrada gratuita

 

Sobre Central 42

Veja também:

Artistas curitibanos no Jokers para a Gibicon #1

A Gibicon #1 (Convenção Internacional de Quadrinhos de Curitiba) abriu ontem (23), no Jokers, a …