Home / Falando Curto e Grosso / Paixão obsessiva é quando o amor termina e a loucura começa
Paixão obsessiva

Paixão obsessiva é quando o amor termina e a loucura começa

Será? Paixão obsessiva (Unforgettable), o mais novo thriller de suspense que a Warner Bros traz para o cinema, Paixão obsessivao longa metragem orçado em 30 milhões de dólares e no comando uma MULHER, a Produtora Denise De Novi, que faz sua estreia como diretora. Uma maravilhosa estreia e ainda vem com toda a coragem trazendo um filme de gênero.

O longa conta a história de Tessa Connover (Ketherine Heigl), que está tentando lidar com o fim de seu casamento, enquanto seu ex-marido, David (Geoff Stults), resolve se casar com Julia Banks (Rosario Dawson), fazendo com que sua nova companheira passe a viver na casa que um dia compartilharam e a conviver com sua filha Lilly (Isabella Rice).

Julia, por sua vez, tenta se adaptar a sua nova situação como esposa e madrasta, e acredita ter finalmente encontrado o homem dos seus sonhos, que pode ajudá-la a esquecer seu passado conturbado. Contudo, o ciúmes doentio de Tessa tem tudo para transformar o sonho de Julia em seu maior pesadelo.

Uma história comum que pode até parecer simples, mas é uma verdadeira experiência de horror. Denise De Novi, aborda o tema num dos gêneros mais difíceis de se transitar, mas ela com toda a sua sutileza e elegância, mostra que não precisamos apelar com cenas de extrema violência para fazer com que o espectador sinta medo, desconforto ou fique apreensivo.

Paixão obsessiva

Tessa (Ketherine Heigl) vem com sua beleza e elegância, mas de cara você já vê a maldade no olhar dela. Mas aos poucos você vai percebendo que a dor de Tessa é profunda e que as manias, as poses e o extremo controle de tudo, vem de uma criação doentia. Denise De Novi, leva a gente a imaginar como foi a vida de Tessa com aquela mãe. É bem sutil a abordagem, mas é certeira. Tessa foi crida num universo doentio, e isso acontece com muitas crianças na vida real.

Você sabia que somos a média das 5 pessoas que a gente mais convive? Quantas Tessas existem pelo mundo criando filhos?! É assustador… um amor obsessivo que leva a pessoa a querer sempre mais.

Esse suspense doentio percorre por várias patologias, crimes e pecados: Obsessão, Vaidade, Inveja, Terror psicológico, Mentira, Invasão de privacidade, Manipulação, Relacionamento abusivo, Violência física, Homícidio, Tentativa de homícidio, Ódio, Desequilíbrio…

Será que pontuei todos? Não sei…

Só sei que a sua estreia como diretora, Denise, foi linda.

Parabéns! Que o cinema te receba de braços abertos como diretora e que você seja referência para muitas de nós cineastas mulheres que buscamos um lugar ao sol!

Será? Paixão obsessiva (Unforgettable), o mais novo thriller de suspense que a Warner Bros traz para o cinema, o longa metragem orçado em 30 milhões de dólares e no comando uma MULHER, a Produtora Denise De Novi, que faz sua estreia como diretora. Uma maravilhosa estreia e ainda vem com toda a coragem trazendo um filme de gênero. O longa conta a história de Tessa Connover (Ketherine Heigl), que está tentando lidar com o fim de seu casamento, enquanto seu ex-marido, David (Geoff Stults), resolve se casar com Julia Banks (Rosario Dawson), fazendo com que sua nova companheira passe a…

Avaliação Geral

Paixão obsessiva

User Rating: 1.9 ( 1 votes)

Sobre Rosana Moreira

Cineasta formada pela Academia Internacional de Cinema. Produtora desde 2008, dirigiu o curta metragem "4:23" em 2016, "Dissonantes" em 2017. Fez assistência de direção no curta metragem "Olhos Vivos" direção de Kayo Perez (2016), Produziu o curta metragem "Sueli" direção de Christian Monassa (2016) e produziu o filme "W'arana" direção de Christian Monassa - rodado em 2017 na Amazônia.

Veja também:

Divórcio

Divórcio é filme divertido e sem grandes pretensões

“A separação mostra nosso lado pior. A separação mostra realmente quem você é”. Em Divórcio você vai presenciar o grande embate que isto pode ter.